• Rogério Ferreira Machado

Escrevendo Sobre: Verdade nua e crua



O que é verdade? Apenas um conceito? Será que podemos defini-la? Será que podemos falar a verdade ou sobre ela sem incorremos em erro?


Não quero tomar esse precioso espaço para divagar ou filosofar sobre isso, mas o certo é que quando se procura o significado de verdade, não queremos saber apenas o que a palavra quer dizer, mas o que está por detrás da expressão ou conceito.


Filósofos da Grécia antiga já debatiam a natureza da verdade. A discussão era se a verdade é real e absoluta, ou relativa e ilusória.


E sobre o título apresentado? Você sabe o que quer dizer a expressão “Verdade nua e crua”?


Pesquisando você encontrará: 1- Expressão utilizada para afirmar a veracidade do que se diz; 2- Verdade sem rodeios; 3- Exatamente como é, sem retoques.


Mas, de onde vem essa expressão?


Conta-se que a expressão surgiu a partir de uma parábola judaica.


Diz essa parábola, que é uma narração alegórica que envolve algum preceito de moral ou alguma verdade importante, que certo dia a Mentira e a Verdade se encontraram numa rua da cidade. A Mentira disse para a Verdade: - Bom dia, dona Verdade.


E a Verdade, antes de responder, foi conferir para ver se realmente era um bom dia. Olhou para o alto, não viu nuvens de chuva, vários pássaros cantavam e vendo que realmente era um bom dia, respondeu para a Mentira:


- Bom dia, dona Mentira.


- Está muito calor hoje, disse a Mentira.


E a Verdade vendo que a Mentira não estava mentindo, relaxou.


A Mentira, então, convidou a Verdade para se banhar no rio. Lá chegando despiu-se de suas vestes, pulou na água e disse:


- Venha nadar também dona Verdade, a água está uma delícia.


E, assim que a Verdade, sem duvidar da Mentira, tirou suas vestes e mergulhou nas águas do rio a Mentira saiu das águas e vestiu-se com as roupas da Verdade e foi embora.


A Verdade, por sua vez, recusou-se a vestir-se com as vestes da Mentira e por não ter do que se envergonhar, saiu das águas nua e caminhando entrou na cidade.


As pessoas da cidade olhavam para a Mentira e para a Verdade e, aos olhos delas, era mais fácil aceitar a Mentira vestida de Verdade, do que a Verdade nua e crua.


Bem!... Sobre verdade nua e crua há de se ressaltar que nos tempos de Jesus Cristo, Deus encarnado entre nós, chegaram a dizer que Ele realizava milagres possuído por demônio (Evangelho de Marcos 3:22). Mas Jesus dizia de si mesmo: “Eu sou o caminho, e a verdade e a vida; ninguém vem ao Pai, senão por mim” “Se estou falando a verdade, porque vocês não creem em mim?” “Conhecereis a verdade e a verdade vos libertará. ” - Evangelho de João 14:6; 8:46 e 32.


Assim, com relação a crença “religiosa”, ainda nos dias atuais, muitas pessoas (a maioria) preferem a mentira vestida de verdade do que a verdade nua e crua. Pessoas preferem acreditar em mentiras vestidas de verdade do que crer somente em Cristo Jesus como Senhor e Salvador de suas vidas.


À essas pessoas gostaria de dizer “crê no Senhor Jesus Cristo e serás salvo, tu e tua casa” (Atos 16:33). Jesus Cristo é o verdadeiro Salvador que veio ao mundo para salvar o pecador.



Publicado em 09/03/2019 no jornal Gazeta Bragantina e GB Norte.


42 visualizações
Funcionamento da Secretaria:
2ª à 6ª das 13h às 17h
Telefone: (11)2277-3707
secretaria@boasnovasigrejabatista.com

Igreja Batista Boas Novas Bragança Paulista | Copyright© 2017 - Todos os direitos reservados